Blog

A tecnologia nos conecta Fique por dentro de tudo que rola em nosso blog

Dicas de como economizar na gestão do seu negócio

Um empreendedor que se preze terá como um dos seus objetivos economizar na gestão do seu negócio. Mas, e como fazer isso? Vamos apresentar eficientes dicas para ter êxito nessa redução de custos.

É uma conta simples: otimizar os processos de gestão numa empresa terá como resultado faturamento positivo. E qual seria essa condição favorável para melhorar os procedimentos internos e externo de uma empresa? Existem muitas atitudes que fazem uma organização ganhar mais dinamismo, e reduzir suas despesas. Elas vão desde mudanças reformas estruturais na sede até investimentos em softwares, tecnologia para internet e qualificação profissional.

Separamos aqui uma lista de ideia eficazes que norteiam muitos dos processos de grandes, médias e pequenas empresas, vejamos.

# Agilidade e controle nas finanças

Não existirá gestão econômica se a empresa não tem o mínimo de organização de suas finanças. É difícil acreditar que ainda hoje, em tempos que uma conta de energia elétrica pode ser paga com um clique, esta ação precise da autorização do dono ou sócio, para que o setor financeiro realize o pagamento numa fila de banco.

Note que a volta enorme que a empresa tem de fazer somente para pagar uma simples conta: conta é recebida – financeiro criar a solicitação de pagamento – dono/sócio autoriza – retornar ao financeiro – pagamento. Isso pode levar dias, e correr o risco de ultrapassar a data do vencimento. E está longe de ser um controle financeiro. É uma total desordem na gestão financeira.

O empreendedor deve delegar responsabilidades nesse caso, e se o problema é monitorar, existem excelente softwares de controle financeiro que empregarão um rígido rastreamento de todo processo. Quanto mais o dono intervir, perderá dinheiro, pois lentidão nos processos financeiros atrapalhará todos os outros setores.

# Gestão do estoque – segredo para reduzir custos

Poucos empreendedores se dão conta de como o estoque é estratégico em suas decisões. Varejistas e atacadistas precisam ter um controle do estoque assertivo. Investir numa boa infraestrutura do armazém ou galpão, e empregar tecnologia para tornar tudo mais ágil. Como investir trará redução de custos?

Vamos imaginar uma loja que venda muito o produto A, e este é o mais difícil de ter acesso dentro do estoque. Alguma coisa está errada não? Uma simples mudança no layout das ruas dentro do armazém já será um investimento com resultados reais e de curtíssimo prazo.

Evidente que para atender o dinamismo do mercado hoje um estoque precisa de softwares de gestão, impressoras de etiqueta de identificação dos produtos, leitores de códigos de barra, empilhadeiras e outros. Acessórios que tornam o funcionamento do estoque mais ágil, e consequentemente entrega e faturamento dos produtos vendidos.

# Aproxime os funcionários para tornar a gestão econômica

Fazer do funcionário o grande parceiro na gestão da empresa é um desafio tremendo, mas é um dos mais positivos. Quem melhor do que o funcionário, aquele que diariamente está envolvido nas operações, para apontar onde deve se investir melhorias que reduzirão custos da gestão?

Independe se a empresa tem 5 ou 5.000 funcionários, trazer eles para formar a gestão é essencial. Sem essa colaboração, qualquer programa ou projeto de melhorias da gestão empresarial não terá bons resultados.

A cúpula da empresa precisará se envolver, explicar aos níveis hierárquicos mais baixos o que será implantado, e como eles podem ajudar. Evidentemente que cortar ou reduzir salários não é a melhor das escolhas. Como vimos, otimizar a operação do estoque e do financeiro trará benefícios reais a administração da empresa, por exemplo.

Aqui o diálogo faz a diferença, o colaborador se sentirá parte integrante de uma coisa maior, e ao final, porque não recompensa-lo?

# Evite relações informais

Talvez essa dica seja mais voltada para médias e pequenas empresas, que ainda não têm uma estrutura mais rigorosa para cooptar fornecedores, por exemplo. Aqui a ideia é simples: não se pode adquirir produtos ou serviços sem notas fiscais. Tão pouco feche serviços ou vendas sem um “de acordo” com seu cliente. Relações comerciais não podem ser informais.

Levar negociações sem nenhuma garantia formal, levará certamente a algum tipo de calote, e isto prejudicará em cheio qualquer tentativa de gestão do negócio. Estamos falando de receitas, recursos que mantém a empresa de pé. Então, no mínimo formalize um acerto por e-mail, para se proteger de uma futura reclamação ou disputa judicial.

Esteja atento as nossas dicas de como economizar na gestão de seu negócio, e boa sorte!

0 comentários
Deixe seu comentário
* Campos obrigatórios
Conecte-se a tudo que você ama Venha para a Unifique Onde você está?
Nós ligamos para você Informe seus dados e um de nossos consultores entrará em contato com você. Clique aqui